Governo prevê realizar ao menos cinco leilões no primeiro semestre de 2015

Participação da energia solar está garantida, porém a forma como isso acontecerá não foi definida

 

Por Wagner Freire, de São Paulo (SP)

O governo trabalha com a expectativa de realizar ao menos cinco leilões de energia no primeiro semestre de 2015, informou Marisete Pereira, Chefe da Assessoria Econômica do Ministério de Minas e Energia (MME). A representante do ministério falou nesta sexta-feira (28/11) em São Paulo, após a realização do 20º leilão de energia nova, que contratou 4.979MW.

Ela explicou que o plano do MME é realizar um leilão de ajuste em janeiro de 2015, e mais quatro certames ao longo do primeiro semestre. “A gente deve realizar um A-3 e um A-5 no primeiro semestre de 2015, e já está agendado um leilão de fontes alternativas para abril. E ainda tem um A-1, para atendimento do mercado a partir de janeiro de 2016”, disse Pereira.

A participação da energia solar é garantida no próximo ano, porém a forma como isso acontecerá será definida no momento da publicação das diretrizes de cada leilão. Ou seja, até o momento não há uma conclusão por parte do governo se haverá um leilão exclusivo para fonte solar em 2015.

O leilão de ajuste visa atender a demanda imediata das distribuidoras, uma vez que haverá grande descontração nesse período com o fim da concessão das hidrelétricas de São Simão (janeiro), Ilha Solteira e Jupiá (julho). Essas usinas também devem ser licitadas em 2015, repetindo o rito seguido pela hidrelétrica de Três Irmãos, em que a energia será comercializada em regime de cotas, e o novo concessionário atuará como operador do empreendimento.

Fonte: http://www.jornaldaenergia.com.br/mobile/ler_noticia.php?n=18368

image